COMO SURGIU O PROJETO?

O projeto: “Os Perigos da Internet”, surgiu a partir de um pequeno grupo de alunos do 5º ano, que tinham como objetivo obter mais informações sobre a “Momo”. O grupo era constituído por apenas sete alunos. Em torno do grupo, surgiram muitas críticas, dizendo que não iríamos conseguir ou que devíamos parar. O grupo se mantinha em segredo, até que, um dia, uma aluna descobriu o grupo e comunicou a professora, que ficou encantada com a iniciativa dos alunos. A professora falou com a direção da escola e, a partir daí, surgiu a ideia de fazer o projeto: “ OS PERIGOS DA INTERNET”, projeto este que hoje é desenvolvido pela turma do 5º ano, com 25 alunos. A fase de desenvolvimento do projeto e aprofundamento das pesquisas durou exatamente dois meses, onde toda escola foi envolvida, juntamente com os familiares dos alunos. Aprendemos muito e agora queremos compartilhar nossas descobertas com todos. Nesse projeto abordamos não apenas o lado perigoso da rede e algumas ações controladoras que podem ser tomadas, mas, também, abordamos o lado bom desse grande universo que tem muito a ser explorado. A internet é um local aberto e fora de controle onde podem ser encontrados vários tipos de boas e más intenções. Nesse local, qualquer pessoa pode localizar o que quer, o que não quer, o que conhecia e o que pensava que conhecia, despertando muita curiosidade. Se adultos têm deslizes atraídos por um clique a mais, imaginem os grandes riscos que ocorrem com as crianças que são inexperientes e facilmente influenciáveis! E aí está a preocupação constante dos pais: Como fazer a supervisão e ter um controle eficaz de algo tão disperso?

Objetivo geral

Formar cidadãos conscientes sobre o uso da internet e a importância dos conteúdos direcionados para cada faixa etária, orientando também os pais sobre a necessidade de acompanhar tudo que seus filhos fazem no mundo digital.

Objetivos específicos

  • Levar informações ao máximo de pessoas possíveis sobre o uso consciente e responsável da internet.

  • Mostrar a importância do acesso aos conteúdos direcionados para cada faixa etária.

  • Alertar aos pais sobre o risco que as crianças correm ao acessar a internet sem controle e acompanhamento.

  • Formar cidadãos conscientes e capazes de identificar coisas erradas na rede e saber como denunciar de forma segura.

  • Mostrar o lado bom da internet, o uso de site e jogos educativos que auxiliem na aprendizagem.

  • Mostrar que internet não é tudo que o convívio social e familiar é mais importante.

 

 

METODOLOGIA

Foi feita uma pesquisa em vários sites na internet sobre o tema, com a ajuda dos pais, fizemos também uma pesquisa em campo com pais e alunos COENSFA, para conhecer a realidade de nossa escola e todas as informações foram reunidas na Plataforma Digital da Rede Pitágoras – PDA, que foi forte aliada em toda a fase de desenvolvimento do projeto. Foi promovido também um Encontro da Escola da Inteligência no dia 1º de Abril sobre o tema que contou com a presença dos pais e alunos COENSFA.

• Apresentação do tema do projeto;

• Levantamento do conhecimento de cada um sobre o tema;

• Divisão os alunos em subgrupos de pesquisa;

• Orientações para a busca de informações;

• Ligação dos problemas a prática social do cotidiano;

• Levantamos dados estatísticos sobre o tema com os alunos e pais;

Etapa1: Pesquisa de alguns subtemas específicos de acordo com o interesse de cada aluno, início do desenvolvimento do projeto através de pesquisas na internet, entre outros meios e realização de uma entrevista com todos os alunos e pais da COENSFA a fim de levantar dados estatísticos locais sobre o tema.

Ø Entrevista com alunos e pais da COENSFA com o objetivo de levantar dados locais sobre o uso da internet no dia a dia;

Ø Cyberbullying;

Ø FakeNews;

Ø Pessoas mal intencionadas que usam a internet pra cometer crimes e como denunciar. (Privacidade na Internet, Segurança, Vírus, Hackers e Perigos dos aplicativos de mensagens).

Ø Problemas causados pelo uso excessivo da internet

Ø Os jogos e desafios perigosos da internet como identificar e evitar

Ø O lado bom da Internet;

Ø Internet não é tudo;

Etapa2: Reunir todas as informações coletadas e aprofundar na pesquisa das mesmas, contando nesta fase com apoio de profissionais da área.

Etapa3: Apresentação do Trabalho na FECOTEC com todos os resultados obtidos até o dia da feira.

 

AUTORES:

Alexandre Neves Fortini Duarte

Ana Lívia Pereira Lima

Anna Liss Guimarães de Melo

Beatriz Souto de Campos Leite Ferreira

Cauã Fernandes de Sousa

Cauã Vasconcelos Vaz

César Abreu Espeschit Cardoso

Charles Silas Alves de Salles

Clara Carvalho Fonseca

Davi Vitor dos Santos Vasconcelos

Eduardo Henrique Costa Evangelista

Gabriel Lucas da Cruz

Isabela Zamara Oliveira Silva

João Henrique Oliveira

Jonathan Lopes de Oliveira

Laura Nunes Diniz

Leany Sabriny Oliveira

Letícia Antônia Neresilva Amaral Santos

Manuella Ribeiro de Freitas

Maria Paula Diniz Macieira

Mariana Nunes de Oliveira

Otávio Augusto Correa Felipe Diniz

Samuel Assis Jacinto

Victor Antônio Santos Vasconcelos

Vítor Marques Morato

  • Facebook ícone social

Orientador: Geraldo Henrique

 Coorientadora: Professora Margareth